APP Cemig Atende

Baixe na App Store

Baixe na Play Store

Clique aqui Clique aqui

Cemig desenvolve gestão inteligente de suprimentos por meio de projeto de P&D

.Iniciativa aplica metodologia científica para otimizar etapas do fluxo de materiais, serviços e fornecedores da companhia

A Cemig desenvolve um projeto que visa implantar uma gestão inteligente de sua cadeia de suprimentos por meio da adoção de metodologias aplicadas sob a ótica de pesquisa científica. Trata-se do P&D D0653 – “Gestão Inteligente da Cadeia de Fornecedores”, que é gerenciado pela Cemig e desenvolvido pelas executoras European Institute of Purchasing Management (EIPM) e Universidade Presbiteriana Mackenzie, dentro do Programa de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico (P&D) regulado pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

A iniciativa irá integrar o fluxo de informações e de materiais e serviços em todas as suas etapas – prospecção, desenvolvimento, cadastro, seleção e relacionamento de fornecedores. É o que explica Patrícia Rangel Soares, analista de sistemas de qualidade da Cemig e gerente do projeto pela companhia. “O projeto irá permitir que a Cemig operacionalize e expanda os resultados dos casos de aplicação piloto das metodologias desenvolvidas, incorporando o sistema de informações corporativo e integrado à base elegível de fornecedores da empresa, por meio do ambiente digital viabilizado pela indústria 4.0”, detalha a analista.

Entre os principais resultados esperados, estão a criação da Matriz Estratégica de Suprimentos da companhia; a integração e melhoria dos processos de cadastro, qualificação, prospecção, desenvolvimento, monitoramento, certificação, penalização e premiação de fornecedores e a formação de uma base atualizada e sólida de fornecedores cadastrados e qualificados na Cemig, bem como uma atuação preventiva frente a contratos com desempenho abaixo do requerido e a capacitação dos fornecedores. “Também esperamos desenvolver um mecanismo eficaz para captar, prospectar, atrair e selecionar novos fornecedores para a Cemig, além de criar condições para o monitoramento do desempenho de fornecedores nos aspectos de sustentabilidade empresarial”, completa Patrícia.

Investimentos

O P&D D0653 teve início no ano de 2019, com previsão de conclusão em dezembro de 2021. O custo total para o desenvolvimento do projeto é da ordem de R$ 5 milhões, sendo 94% desse valor financiados pela Cemig, por meio de recursos do Programa de P&D regulado pela Aneel.

 

Marcas Cemig