APP Cemig Atende

Baixe na App Store

Baixe na Play Store

Clique aqui Clique aqui

Novo diretor da Cemig Geração e Transmissão afirma: objetivo é mostrar que a Cemig veio para fazer investimentos

.Natural do Sul de Minas, Thadeu Carneiro da Silva destaca que trabalhar na Cemig é realização de um sonho

O diretor da Cemig Geração e Transmissão, Thadeu Carneiro da Silva, afirma que a diversificação das fontes de energia e a busca por negócios relevantes para a Cemig e para Minas Gerais serão o foco de sua atuação na diretoria. Thadeu foi eleito para exercer a função na sexta-feira (16/07) pelo Conselho de Administração da Companhia, conforme Comunicado ao Mercado divulgado na mesma data.

“O objetivo é maximizar os ganhos e mostrar para o mercado que a Cemig veio para fazer investimentos. Trazer cada vez mais novas fontes de energia, além de eólica e solar, e novos ativos de transmissão. Portanto, queremos aprimorar a nossa operação, a gestão dos nossos ativos e sempre buscar negócios que sejam atrativos para a empresa e nosso Estado”, afirma.

A Cemig executa atualmente o maior plano de investimentos de sua história, focado no estado de Minas Gerais. Até 2025, serão investidos R$ 22,5 bilhões em geração, transmissão e distribuição de energia, geração distribuída e comercialização de gás.

Desse montante, R$ 5,5 bilhões são previstos na ampliação da Geração e Transmissão e R$ 1,3 bilhão em melhorias na rede de transmissão e modernização de usinas.

Formação

Graduado em engenharia mecânica pela Universidade Federal de Itajubá (Unifei) e natural de Itanhandu, no Sul de Minas, Thadeu Carneiro da Silva afirma que trabalhar na Cemig representa uma realização pessoal e profissional.
“A Cemig sempre foi um ícone dentro do mercado elétrico nacional. Estou vivendo a realização de um sonho”, pontou o diretor, que possui mais de 15 anos de experiência no setor elétrico.

Por meio do Comunicado ao Mercado enviado na sexta-feira, a Cemig também agradeceu pelos serviços prestados como executivo da Companhia a Paulo Mota Henriques, que ocupava até então a Diretoria e deixou o posto a pedido.

Marcas Cemig