APP Cemig Atende

Baixe na App Store

Baixe na Play Store

Clique aqui Clique aqui

Cemig e Copasa participam de opera√ß√£o para regularizar liga√ß√Ķes de energia e √°gua em Ribeir√£o das Neves

.A√ß√£o teve a participa√ß√£o da Cemig, Copasa e das pol√≠cias Civil e Militar; al√©m de riscos para a popula√ß√£o, os ‚Äúgatos‚ÄĚ causam preju√≠zo de mais de R$ 400 milh√Ķes anuais

A Cemig participou, nesta ter√ßa-feira (2/2) de uma opera√ß√£o conjunta com a Copasa e as pol√≠cias Civil e Militar para regularizar liga√ß√Ķes de energia e √°gua na regi√£o do Vale das Ac√°cias, em Ribeir√£o das Neves, na Regi√£o Metropolitana de Belo Horizonte. Durante a a√ß√£o, foram inspecionadas 39 resid√™ncias e estabelecimentos comerciais. Os t√©cnicos da Cemig constataram 21 liga√ß√Ķes irregulares.

As irregularidades foram retiradas e os equipamentos com sinais de intervenção foram lacrados e enviados para laboratório, onde passarão por avaliação, conforme determina a Resolução 414/2010 da Aneel.

De acordo com o gerente de Medição e Perdas da Cemig, Luiz Renato Fraga Rios, o furto de energia pode gerar consequências criminas, jurídicas e financeiras para quem faz esse tipo de ligação irregular na rede de distribuição de energia elétrica.

‚ÄúSob o ponto de vista legal, o furto e fraude de energia s√£o crimes previstos nos artigos 155 e 171 do C√≥digo Penal. Assim, caso seja constatada a interven√ß√£o na medi√ß√£o, o usu√°rio pode responder criminalmente com at√© 8 anos de pris√£o e ainda restituir √† companhia at√© 36 meses de energia consumida e n√£o faturada, de forma retroativa, al√©m de pagar um custo administrativo que pode chegar a R$ 4.076‚ÄĚ.

As liga√ß√Ķes irregulares na rede de energia ‚Äď popularmente conhecidas como ‚Äúgatos‚ÄĚ ‚Äď podem causar ocorr√™ncias que colocam em risco a seguran√ßa da popula√ß√£o, com consequ√™ncias graves e at√© fatais. Al√©m disso, essa pr√°tica traz impactos para o sistema el√©trico da regi√£o, podendo causar interrup√ß√Ķes no fornecimento de energia para clientes regulares, inc√™ndios e queima de aparelhos e equipamentos.

‚ÄúOs principais objetivos dessa a√ß√£o s√£o reduzir o preju√≠zo repartido entre a sociedade e a Cemig, e conscientizar a popula√ß√£o sobre as consequ√™ncias do furto de energia. A ideia √© acompanhar ainda mais de perto eventuais inconsist√™ncias de faturamento, fortalecendo as evid√™ncias do crime e at√© mesmo identificar flagrantes nas unidades, com a condu√ß√£o dos respons√°veis para a Pol√≠cia Civil. N√£o se trata de uma mera irregularidade administrativa. Estamos falando de um crime, que prejudica toda a coletividade e a sociedade deseja que seja combatido‚ÄĚ, explica Rios.

Somente em 2020, a Cemig fez aproximadamente 700 mil servi√ßos de inspe√ß√Ķes, troca de medidores e regulariza√ß√£o em pontos de medi√ß√£o. A empresa calcula que os preju√≠zos anuais com as irregularidades na medi√ß√£o s√£o superiores a R$ 400 milh√Ķes.

Valor da tarifa poderia ser menor

Luiz Renato Fraga Rios afirma que a tarifa dos consumidores mineiros poderia ser mais barata, se n√£o houvesse liga√ß√Ķes irregulares e clandestinas na √°rea de concess√£o da Cemig. ‚ÄúO preju√≠zo √© compartilhado entre a Cemig e a comunidade. √Č como se fosse um condom√≠nio com dez moradores, e um deles n√£o pagasse corretamente. A taxa ficaria mais alta para os nove que pagam corretamente. Al√©m das perdas financeiras, esse delito causa transtornos √† popula√ß√£o, pois sobrecarrega a rede de distribui√ß√£o, compromete a qualidade do fornecimento de energia da regi√£o onde ela est√° localizada, e ainda amea√ßa a seguran√ßa da vizinhan√ßa. Da√≠ a import√Ęncia para a sociedade do trabalho da Pol√≠cia e da Cemig‚ÄĚ, alerta o gerente.

Marcas Cemig