Comando para Ignorar Faixa de Opções
Ir para o conteúdo principal
Consagração nas Premiações
 
Muitos projetos viabilizados pelo Filme em Minas são premiados no Brasil e no exterior. Exemplo desse reconhecimento é o longa-metragem de Sandra Kogut, Mutum, primeira produção ficcional da cineasta, inspirada na obra Campo Geral, de João Guimarães Rosa. O longa conquistou o troféu Redentor, de melhor filme do Festival do Rio, o Círculo Pré-Colombino de Plata, pelo Festival de Cinema de Bogotá (Colômbia) e o prêmio especial do júri do Festival de Santa Maria da Feira, em Portugal. A produção foi escolhida, ainda, como filme de encerramento da 39ª Quinzena dos Realizadores - Cannes 2007.
 
O longa-metragem de Cao Guimarães, O Andarilho, recebeu os prêmios de melhor diretor pelo Festival Internacional do Rio e de melhor filme do 11º Festival do Filme Documentário e Etnográfico (Brasil). A produção foi selecionada também para a 64ª edição do Festival de Veneza (Itália).
 
Com o curta-metragem O Crime da Atriz, outro projeto realizado com recursos do Filme em Minas, a cineasta Elza Cataldo saiu vitoriosa na 31ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo de 2007. O filme dirigido por ela recebeu o Prêmio do Júri de Melhor Curta Brasileiro e o Prêmio TeleImage.
 
O projeto Nascente, de Helvécio Marins Jr., foi contemplado na primeira edição do programa e já conquistou 13 prêmios internacionais e seis nacionais. Foi o único filme latino-americano selecionado para o prêmio Tiger Awards, do Festival de Cinema de Rotterdam na Holanda, em 2006. Em 2009, o curta-metragem concorreu ao prêmio Environmental Media Awards, concedido pela Organização das Nações Unidas (ONU).
 
 
 

Fale com a Cemig : ligue 116 | Fora do Estado de Minas Gerais: 0800 721 0116   |   Deficientes auditivos: 0800 723 8007

Copyright Cemig - Todos os direitos reservados